28/09/2016 00:00:00

Óculos, lentes de contato ou cirurgia refrativa?

Entenda a diferença entre cada um desses usos


A maioria das pessoas pensam que escolher entre óculos, lentes de contato ou cirurgia refrativa é questão de preferência pessoal. No entanto, a escolha entre um e outro vem de indicação médica.

Todas as opções – óculos, lentes de contato ou cirurgia refrativa – são válidas quando o assunto é enxergar bem, mas idade, saúde física e ocular, grau dos óculos e adaptabilidade estão entre os fatores que influenciam a indicação do especialista.

Por isso, para que você entenda a diferença entre cada um desses usos, separamos os tópicos abaixo. Assim, quando seu médico indicar o uso de óculos, lentes de contato ou cirurgia refrativa, você já saberá os principais benefícios. Veja:

  • Óculos: se você é daqueles que não se importa em ter mais um acessório no rosto, usar óculos acaba sendo a forma mais prática (e comum) de enxergar bem;
  • Lentes de contato: na consulta, o médico vai medir a refração, a curvatura da córnea, analisar o filme lacrimal e detectar possíveis casos de infecção – tudo isso serve para escolher a lente mais adequada ao perfil topográfico da sua córnea (leia sobre esse assunto aqui);
  • Cirurgia refrativa: essa é a opção para quem não quer usar os tradicionais óculos; no entanto, não é uma solução definitiva para todos os problemas de visão. Embora os riscos desse tipo de procedimento sejam raros, existem fatores que limitam (e até contraindicam) a cirurgia refrativa. Por isso, antes de qualquer decisão, consulte sempre seu oftalmologista!




ULTIMAS
NOTÍCIAS