21/09/2016 00:00:00

Plástica Ocular une beleza e saúde da visão

Especialistas em plástica ocular cuidam de pálpebras, sobrancelhas e vias lacrimais.


Se você pensa que a oftalmologia se limita somente a receitar óculos ou cuidar de doenças que afetam a visão, está engando. Essa área da medicina é mais ampla e cuida de toda a região orbitária, onde estão pálpebras, sobrancelhas e vias lacrimais. Foi por meio da plástica ocular que o aposentado Jeronimo Antônio Teixeira, 64, conseguiu solucionar um problema nas pálpebras e recuperar a autoestima.

“Como eu tenho Glaucoma, a cada seis meses vou ao oftalmologista. Durante uma consulta no ano passado, falei que as pálpebras estavam esquisitas, pareciam caídas e mais gordinhas. Então, pedi uma indicação de um cirurgião plástico, mas a médica disse que existe uma parte da oftalmologia denominada plástica ocular, caracterizada por avanços e delicadeza nesses procedimentos”, recorda Teixeira.

A oftalmologista Daniela Sanchez Monteiro de Barros, especialista em plástica ocular do Horp, explica que procedimentos estéticos que envolvam a região dos olhos podem feitos por oftalmologistas. “O oftalmologista, durante sua formação acadêmica e especialização em plástica ocular, estuda as alterações que podem acontecer dentro e fora dos olhos de uma maneira completa e específica”, explica.

A médica ressalta esses procedimentos aumentam a segurança dos pacientes que buscam corrigir pequenos incômodos. “Se os problemas pequenos não forem tratados corretamente, com o passar dos anos, eles podem provocar sérios danos à saúde dos olhos, levando a problemas maiores”, diz.

Segundo Daniela, a plástica ocular nem sempre possui finalidades estéticas. “A cirurgia dentro dessa especialidade também repara problemas que já estejam afetando a saúde da visão, como mal posicionamento das pálpebras, obstrução de vias lacrimais ou tumores no terço superior da face”, diz. Nos casos estéticos, a médica diz que os procedimentos normalmente são para retirada do excesso de pele em volta dos olhos, bolsas de gorduras, aplicação de toxina botulínica ou preenchimento de rugas. “Com meio de microcirurgias é possível obter resultados muito satisfatórios. O paciente fica com aspecto mais jovem e sem nenhuma cicatriz”, diz a médica.

Depois do procedimento, Teixeira se animou com o novo visual que seus olhos ganharam. “No meu caso, a cirurgia foi mais estética. Pude notar que, após alguns dias, meus olhos ficaram com aparência bem melhor, mais jovens. Eu acho que fiquei até mais bonito depois da cirurgia”, conclui o aposentado.





ULTIMAS
NOTÍCIAS